Pesquisar

Calendário

Setembro 2017
D S
1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30

 

capes horizontal   

Cnpq

        

periodicos2

 

logo faperj cor

 

O IPPUR atua no monitoramento de políticas públicas, divulgação de informações e intervenções sociais.

O instituto integra projetos de acessoria popular e o desenvolvimento de experiências concretas de intervenção, realimentando a reflexão e as pesquisas acadêmicas.

 

Projetos de Extensão

 

Assessoria Técnica Educacional Meio Ambiente e Barragens

Coordenador: Prof. Carlos Vainer

Descrição: O objetivo geral é a transferência de conhecimentos científicos e técnicos para as populações atingidas por barragens e suas organizações, de modo a instrumentalizá-las para a defesa de seus direitos econômicos, sociais, culturais e ambientais.

 

Inclusão Urbana - Vila residencial UFRJ

Coordenadora: Profª. Maria Julieta Nunes

Descrição: O projeto visa o apoio aos moradores da Vila Residencial da UFRJ no processo de regularização fundiária, mediando as relações com a Secretaria do Patrimônio da União, encarregada da gestão da área, que é propriedade da União. O projeto teve início em 2006, sendo que no exercício de 2013 o objetivo principal consistiu na atualização do Cadastro de Moradores e no cumprimento de requisitos necessários à implantação de processo de regularização fundiária (preenchimento de contratos de Concessão de Uso Especial para fins de Moradia-CUEM e Concessão do Direito Real de Uso - CDRU)

 

Observatório da Prostituição

Coordenadora: Professora Soraya Simões

Descrição: O Observatório da Prostituição tem como objetivo contribuir para as ações e políticas destinadas à categoria de profissionais do sexo, em particular de prostitutas, assim como acompanhar o desenvolvimento de políticas públicas voltadas para esse público e produzir estudos e analises as mais variadas nas áreas de prostituição existentes em vários pontos do território nacional. O Observatório da Prostituição será um instrumento para a promoção de políticas de direitos humanos e da promoção do direito à cidade e ao trabalho sexual, buscando incorporar estudantes de graduação e pós-graduação para: 1) acompanhamento das políticas públicas voltadas à prostituição e à defesa do trabalho sexual; 2) acompanhamento das intervenções urbanas em áreas de prostituição, em especial aquelas decorrentes dos atuais projetos de intervenção em curso na cidade do Rio de Janeiro em função dos grandes eventos esportivos; 3) organização e tratamento do acervo da Davida, com a memória do movimento brasileiro de prostitutas, em consórcio com o APERJ, para subsidiar novas pesquisas e, sobretudo, políticas públicas que contemplem mais plenamente as reivindicações da categoria; 4) realização de atividades articuladas com as associações de prostitutas em áreas de prostituição de todo o país; 5) elaboração e montagem do Museu da Prostituição. O projeto visa, portanto, subsidiar politicamente o movimento social de prostitutas e promover debates, exposições e pesquisas sobre o direito ao trabalho sexual, saúde e sobre as respectivas políticas de reconhecimento destas e de outras demandas da Rede Brasileira de Prostitutas.

 

Plano Popular da Vila Autódromo

Coordenador: Prof. Carlos Bernardo Vainer

Descrição: Assessoria à Associação de Moradores e Pescadores da Vila Autódromo para a realização de plano de desenvolvimento urbano, econômico, social e cultural alternativo às iniciativas de remoção empreendidas pela Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro.

 

Repensando a política de regularização fundiária urbana no estado do rio de janeiro: acompanhamento, avaliação, fortalecimento e revisão das experiências em curso e informação da população alvo

Coordenador: Prof. Alex Magalhães

Descrição: Trata-se de projeto de extensão universitária que tem por fim objeto contribuir para o fortalecimento da política de regularização fundiária, desenvolvida em favelas e outros assentamentos urbanos de baixa renda, situados na Região Metropolitana do Rio de Janeiro, tendo como objetivos específicos a elaboração de um mapeamento dos projetos de regularização fundiária urbana em curso na região metropolitana do Rio de Janeiro, efetuando, ao cabo de sua conclusão, análise comparativa. Em seguida, pretende-se eleger até três estudos de casos, considerados exemplares, para acompanhamento direto por parte da equipe envolvida no projeto, sendo que nestas localidades serão desenvolvidas atividades de cunho educacional com a população-alvo dos projetos de regularização, envolvendo a avaliação participativa dos projetos em curso, visando a ampliar o acompanhamento e controle social das ações de regularização, assim como enfatizar a construção coletiva de proposta de regularização fundiária e de regulamentação do uso do solo na localidade.

 

Série História e Culturas Urbanas

Coordenadora: Profª. Fania Fridman

O projeto de extensão consiste na organização de uma conferência mensal para a qual são convidados palestrantes de diversas instituições, acadêmicas e públicas. Realizada na última terça feira do mes às 18 horas na Fundação Casa de Rui Barbosa, é aberta ao público em geral, versando sobre temas relacionados à História Urbana, Cultura Urbana, Política e Planejamento. Após a conferência é aberto o debate e, até abril de 2013, foram realizadas mais de 65 sessões com a presença estimada de 30 assistentes (em média) cada uma. A partir de 2007, os coordenadores da Série passaram a eleger uma temática a ser debatida durante todo o ano: Violência e segurança no Rio de Janeiro ontem e hoje; A cidade e a política; Planejamento urbano: o caso do Rio de Janeiro; Espaço urbano, ocupação e planejamento; Revisitando a favela: a experiência das UPPs; O espaço público e as formas de sua apropriação; Reformas urbanas do Rio de Janeiro: a lógica do poder e as percepções da população.

 

 

 

UFRJ IPPUR - UFRJ
Desenvolvido por: TIC/UFRJ